Praia do Sol, em João Pessoa: falésias, mata e boas ondas para o surf

Cuidado, ao visitar João Pessoa, para não passar batido e pular a Praia do Sol. É a penúltima praia ao sul, na capital, antes da Barra de Gramame.

DICA DE LIVRO (Vendas também na Amazon e no Mercado Livre. Portanto, é só clicar nos links que vai direto ao Memórias Pessoenses)

Sérgio Botêlho – Cuidado, ao visitar João Pessoa, para não passar batido e pular a Praia do Sol. É a penúltima praia ao sul, na capital. Portanto, fica antes da bela e selvagem praia de Barra de Gramame.

Também com características um tanto selvagens – apesar do grande fluxo de pessoas, especialmente as que residem nos bairros ao sul de João Pessoa -, a Praia do Sol tem servido bem aos que a procuram para a prática do surf.

Suas águas não se diferenciam do restante do litoral paraibano. Portanto, é um mar de águas tépidas, servindo notavelmente ao banho. Mas também, por ser uma praia sempre própria ao banho, portanto despoluída, pelas qualificações frequentes dos órgãos ambientais paraibanos.

Os caminhos que levam de João Pessoa à Praia do Sol têm serviço regular de ônibus, especialmente nos finais de semana e feriados. Portanto, pelos meios corriqueiros, chegar à Praia do Sul não é grande problema. 

|ACESSE OS SERVIÇOS OFERECIDOS PELO ‘PARA ONDE IR’, DÓLAR, VIAGENS AÉREAS, HISTÓRIA HOJE, BOLSA, ANIVERSÁRIOS MUNICIPAIS, E APROVEITE PARA ASSINAR O BLOG POR E-MAIL|

Além disso, é possível contratar vans, para grupos, em agências de turismo receptivo. Dessa forma, não há desculpa para o turista deixar de conhecer, e aproveitar, a excelente praia do litoral sul de João Pessoa.

Rios e mangues

Por estar próxima a desembocaduras de rios e, dessa forma, de mangues, os frutos do mar, preparados segundo as saborosíssimas receitas locais, são uma das marcas registradas dos barzinhos de beira-mar.

Leia também: Tambaú, linda praia do Atlântico Sul

A faixa de areia que limita a Praia do Sol tem 2 quilômetros, o que permite passeios de bugres geralmente feitas por profissionais. Na área existe, ainda, um mimo deixado pela natureza na forma de um resto de mata característica do passado do litoral nordestino.

As crianças nunca reclamaram. Aliás, é uma praia própria para famílias, e há turistas de várias partes do país que são fãs confessos daquela parte do litoral pessoense. Motivação é  que não falta, pois não!

Meus amigos, e tem uma peixada ao molho de camarão, acompanhada de feijão verde e, é claro, de cerveja gelada, que arrepia só de lembrar. E, ainda, o caranguejo, o peixe assado. Hôme! Seu Menino! É bom chegar!

(Sérgio Botêlho)

ENVIAR MENSAGEM:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.