Cabedelo: de posto de defesa da Capitania da Paraíba a sedutor destino

Cabedelo
Cabedelo – Youtube

Sérgio Botêlho – Em 04 de novembro de 1585 os portugueses iniciaram a construção da Cidade Real de Nossa Senhora das Neves. Enquanto isso, aproveitaram para erguer uma primeira construção no Cabedelo (pequeno cabo de areia, segundo definem os dicionários): uma fortificação, inicialmente (1586) denominada Forte do Matos, segundo alguns historiadores.

O forte, no estuário do Rio Paraíba, tinha a função de defender a nova capitania conquistada aos índios. Contudo, defender também a própria Cidade Real, em construção, à margem direita do rio, mais para dentro.

O forte mudou de nome e de estrutura física sob a mão dos portugueses, holandeses e, mais uma vez, portugueses. Ao mesmo tempo, Cabedelo, também mudou de nome, com os holandeses (Margarida) enquanto ia se desenvolvendo. A Cidade Real, de sua parte, cresceu (bastante!) e hoje é João Pessoa, a capital do Estado da Paraíba. Ambas conurbadas e de forte apelo turístico, nesses dias em que vamos vivendo. Covid-19 e Saúde Mental

Tombamento

Ainda no ano de 1938, a Fortaleza de Santa Catarina foi tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Desde então, se transformou numa das principais atrações para quem vai a Cabedelo.

Dessa forma, a Fortaleza de Santa Catarina, mesmo aos trancos e aos barrancos, mantém programação cultural baseada nas tradições locais, com destaque para as apresentações da Nau Catarineta, manifestação cultural mais que centenária, ligada aos marinheiros. 

DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA DE HOJE

Porto, sol e mar

Entre os principais atrativos da cidade existe, ainda, o Porto de Cabedelo. Além, é claro, as diversas praias do município (Intermares, Ponta de Campina, Poço, Camboinha (onde se inclui Areia Vermelha), Areia Dourada, Ponta de Mato, Miramar, Forte e Jacaré (com o famoso pôr do sol ao som do Bolero de Ravel).

Covid-19 e Saúde Mental

Gastronomia

Afora tudo isso, o que Cabedelo tem de atração mais famosa é a gastronomia. São dezenas de restaurantes e bares espalhados pela cidade, cada qual com seu peixe ou camarão ou caranguejo cozido ao gosto dos mais afinados paladares.

Estadia

Quanto a estadia, é outra coisa que não tem problema. Em Cabedelo há uma boa estrutura de hotéis e pousadas. Além de casas para veraneio, às centenas, espalhadas pelas praias do município.

Portanto, não há razão para que, estando em João Pessoa, o turista não vá até Cabedelo. Seja guiado pelas agências de turismo ou por decisão independente. O que não vai faltar é satisfação pela ida. 

|ACESSE OS SERVIÇOS OFERECIDOS PELO ‘PARA ONDE IR’, DÓLAR, VIAGENS AÉREAS, HISTÓRIA HOJE, BOLSA, ANIVERSÁRIOS MUNICIPAIS, E APROVEITE PARA ASSINAR O BLOG POR E-MAIL|

Fontes:

FORTE DE SANTA CATARINA – Paulo Roberto Rodrigues Teixeira Paulo Roberto Rodrigues Teixeira

http://www.funceb.org.br/images/revista/_REV_FUNCEB_6z3l.pdf

Forte de Santa Catarina

http://fortalezas.org/?ct=fortaleza&id_fortaleza=225&muda_idioma=PT

 

 

 

You may also like

One thought on “Cabedelo: de posto de defesa da Capitania da Paraíba a sedutor destino

Leave a Reply