Catedral da Piedade, em Cajazeiras: registros históricos de uma bela igreja

Catedral de Nossa Senhora da Piedade
Catedral de Nossa Senhora da Piedade, em Cajazeiras. Crédito da foto: PB-Tur. (https://www.pbtur.com.br/cidade/cajazeiras)

Sérgio Botêlho – A história da atual Catedral de Nossa Senhora da Piedade, padroeira da cidade paraibana de Cajazeiras, passa por dois períodos históricos. O primeiro, entre os anos de 1915 a 1957, quando a condição era assumida pela atual Igreja Nossa Senhora de Fátima, templo com data do ano de 1836, e que se constitui, portanto, em importante patrimônio histórico daquela notável cidade sertaneja. 

O ano de 1915 marca a passagem da então Igreja de Nossa Senhora da Piedade à condição de catedral – mas, antes, já reconhecida como matriz -, após a criação da Diocese de Cajazeiras, que ocorreu em 06 de fevereiro de 1914, por decisão do Papa Pio X. Era bispo de Cajazeiras, o primeiro de todos, Dom Moisés Coelho, que chegou a arcebispo da Paraíba.

Construção

A construção do atual prédio da Catedral de Nossa Senhora da Piedade começou em 31 de janeiro de 1937, durante o período diocesano de Dom João da Matha de Andrade Amaral, que viria a ser bispo de Manaus-AM.

Sua inauguração, contudo, somente aconteceria em 20 de janeiro de 1957, mesmo que não terminada, ainda (as instalações somente viriam a ser concluídas em 1959). A decisão de entronizar a imagem de Nossa Senhora da Piedade na nova igreja foi do então bispo Dom Zacarias Rolim de Moura, que comandou a Diocese até 1990 (período diocesano de maior duração entre os exercidos pelos ex-bispos da Diocese, até hoje) e que mantém o título de Bispo Emérito.

A Catedral de Nossa Senhora da Piedade, em Cajazeiras, é uma das mais belas do Sertão paraibano. Sua imponente torre pode ser vista a partir dos vários pontos da área urbana, e, ainda, pelos que chegam à cidade.

A catedral diocesana cajazeirense é motivo de orgulho da parte dos cajazeirenses e cajazeirados, conforme os habitantes de Cajazeiras costumam se referir, respectivamente, aos nascidos na cidade e aos que se casaram com naturais ou resolveram vivê-la.

Todos os anos, a Catedral de Nossa Senhora da Piedade realiza uma grande festa entre os dias 05 e 15 de setembro para homenagear a invocação de Maria, terminando com uma grande romaria até a igreja. Mas, esta é uma outra história a ser contada aqui no Para Onde Ir.

Fontes:

Nossa Senhora da Piedade – 184 de devoção – José Antônio – Diário do Sertão

https://www.diariodosertao.com.br/coluna/nossa-senhora-da-piedade-184-anos-de-devocao

Prefeitura Municipal de Cajazeiras – Dados do município

https://cajazeiras.pb.gov.br/omunicipio.php

História da Diocese de Cajazeiras 

https://www.diocajazeiras.com.br/historia-da-diocese/

Diocese de Cajazeiras

https://pt.wikipedia.org/wiki/Diocese_de_Cajazeiras

Documentando o patrimônio arquitetônico religioso de Cajazeiras

https://www.interdisciplinaremsaude.com.br/Volume_25/Trabalho_08.pdf

You may also like

Leave a Reply