Igreja Matriz de São João do Rio do Peixe: obra relevante no Sertão paraibano

Sérgio Botêlho – A data de fundação da cidade de São João do Rio do Peixe remonta ao ano de 1881. Contudo, há anotações históricas sobre as primeiras ocupações de terra que se referem ao século XVII, algumas décadas após a conquista da Paraíba.

E-BOOK GRATUITO - Todas as praias de João Pessoa e Cabedelo, no Litoral Paraibano

Entre as primeiras construções erguidas como natural desdobramento da fixação do homem na terra, está a de uma capela. O pequeno templo faz parte do rol de providências normalmente tomadas pelos portugueses, cristãos e católicos, ao se apossarem de novas terras.

Daqueles primeiros tempos até a fundação da cidade, já nos finais do século XIX, o progresso da cidade esteve vinculado à ocupação das terras baixas ao longo de um dos trechos do Rio do Peixe, motivação maior aos que vinham, geralmente, das bandas da Capitania de Pernambuco.

Pouco antes da fundação oficial de São João do Rio do Peixe, foi construída a nova igreja, sob o signo de Nossa Senhora do Rosário. Nesse momento, já não havia mais remanescentes dos índios Icós-Pequenos, que habitavam a região, a serem catequizados, já que o último relato sobre eles data de 1740.

Dessa maneira, o prédio atual data de 1863 (momento em que a igreja se tornava matriz), que, por conta de uma pinimba entre dois irmãos, que a queriam mais perto da sede da própria fazenda, foi construída no meio do caminho entre as duas propriedades.

Como a cidade se desenvolveu, naturalmente, a partir do templo, por força da localização, acabou fazendo com que o novo núcleo urbano crescesse muito próximo ao rio, ficando bastante sujeito às enchentes daquele histórico curso d’água paraibano.

A igreja

A igreja é uma obra com detalhes bem singulares, com suas portas originais preservadas, campanário normal, mas com arabescos, batistério em pedra portuguesa, cachos de uvas adornando o alta-mor, com a imagem de Nossa Senhora do Rosário, e pintura em ouro e policromia.

Portanto, um templo digno de ser considerado excelente atrativo turístico na cidade de São João do Rio do Peixe, parte obrigatória de qualquer roteiro de viagem ao Sertão paraibano.

Convento, Igreja e Capela Dourada: a maior obra franciscana na Paraíba

Fontes:

Matriz Nossa Senhora do Rosário (São João do Rio do Peixe)

https://pt.wikipedia.org/wiki/Igreja_Matriz_Nossa_Senhora_do_Rosário_(São_João_do_Rio_do_Peixe)

São João do Rio do Peixe

https://pt.wikipedia.org/wiki/São_João_do_Rio_do_Peixe

A IGREJA MATRIZ DE NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO, um pouco de sua história

http://umolharsobresaojoao.blogspot.com/2012/03/igreja-matriz-de-nossa-senhora-do.html

Vídeos:

FAZENDO MEMÓRIA DA FESTA DOS 150 ANOS DA PARÓQUIA NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO – SÃO JOÃO DO RIO DO PEIXE-PB

https://www.youtube.com/watch?v=UpgdVla7m1Y

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.