Economia do turismo: mato vira prato especial e movimenta restaurantes

Plantas até pouco tempo consideradas mato ou erva-daninha estão fazendo sucesso em pratos nos restaurantes. HUMOR DO CONSUMIDOR ANDA BAIXO E PREOCUPA A CNI. Supremo garante recursos da CEF para infraestrutura e saneamento ao Pará. FORNECEDOR VAI SER OBRIGADO A PROVAR QUALIDADE DE PRODUTOS E SERVIÇOS. Política Nacional de Pagamento por Serviços Ambientais vão à sanção
*sdfasfdf*. Esses são destaques da economia do turismo, nesta quarta-feira, 23 de dezembro de 2020. 

*ECONOMIA DO TURISMO*, Ano I, Nº 1, de 23.12.2020

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

Mato no prato

Plantas antes consideradas como mato, algumas até no rol das ervas daninhas, estão sendo elevadas à condição de pratos especiais e alimentos ricos nutritivamente, movimentando a gastronomia. É o que revela reportagem da Confederação Nacional da Agricultura. São as chamadas Plantas Alimentícias Não Convencionais (Panc), que estão fazendo sucesso. A reportagem cita algumas delas: Amorinha do Mato, Picão Branco, Taioba, Ora-pró-nobis, Capuchinha, Dálias, Fava de inverno, Framboesa Negra, Azedinha e Beldroega. Porém, tem mais, muito mais. Tudo coisa nossa. 

E-BOOK GRATUITO - Todas as praias de João Pessoa e Cabedelo, no Litoral Paraibano

Humor do consumidor

Pesquisa da CNI mostra que, apesar de registrar uma leve melhora na comparação com setembro, o Índice Nacional de Expectativa do Consumidor (INEC) de dezembro segue abaixo de sua média histórica e é inferior ao registrado no mesmo mês de 2019. O índice da Confederação Nacional da Indústria (CNI), subiu de 42,8 pontos em setembro para 43,8 pontos em dezembro.

Infraestrutura e saneamento no Pará

O ministro Gilmar Mendes julgou procedente, em parte, a Ação Cível Originária (ACO) 3327, para garantir a realização de operações de crédito entre o Estado do Pará e a Caixa Econômica Federal (CEF) no valor de mais de R$ 537 milhões, para custear projetos de infraestrutura e de saneamento. Com a decisão, a União ficou impedida de exigir a regularidade fiscal e de gastos com pessoal da Assembleia Legislativa e do Tribunal de Contas dos Municípios como condição para os empréstimos e a obtenção de contratos de garantia pelo estado.

Fornecedor é obrigado a provar qualidade de produtos

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (22) o Projeto de Lei 5675/13, do deputado Aureo (Solidariedade-RJ), que atribui aos fornecedores de produtos ou serviços a obrigação de provar que eles são próprios para consumo ou uso. Se os produtos ou serviços causarem grave dano individual ou coletivo, a autoridade competente deverá aplicar a penalidade de suspensão temporária da atividade do fornecedor. Matéria segue para o Senado.

Pagamento por Serviços Ambientais vão à sanção

Segue para sanção presidencial o PL 5.028/2019, projeto de lei que cria a Política Nacional de Pagamento por Serviços Ambientais (PNPSA). A matéria, destinada a ajudar produtores rurais, indígenas, quilombolas e comunidades tradicionais a conservar áreas de preservação, foi aprovada pela Câmara dos Deputados na segunda-feira (21) na forma do substitutivo do Senado.

📈 *Bolsa de Valores*

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou a terça-feira, 22, em alta de 0,75%, a 116.636 pontos. O dólar terminou o dia em alta de 0,76%, a R$ 5,16.

DÓLAR, VIAGENS AÉREAS, HISTÓRIA HOJE, BOLSA, ANIVERSÁRIOS MUNICIPAIS, APROVEITE E ASSINE O BLOG POR E-MAIL. ACESSE CLICANDO AQUI 

Related Posts
Turismo gastronômico: Memorial Cotochés acontece neste sábado, 10
O município de Abre Campo, em Minas Gerais, realiza mais uma versão do Memorial Cotochés, que já se tornou referência em gastronomia de qualidade na região.Pensando nisso, o Festival Gastronômico ...
READ MORE
Turismo gastronômico: Memorial Cotochés acontece neste sábado, 10

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.