Centro Histórico de Mamanguape: um dos retratos da história paraibana

A povoação da região do município de Mamanguape, a partir da foz do rio do mesmo nome, remonta mesmo ao início das visitas estrangeiras ao litoral paraibano, mais precisamente franceses e portugueses, antes da conquista da Capitania em 1585.

Portanto, essas visitas acontecem ao longo do século XVI, e continuam mais intensamente após o início do Século XVII, com portugueses, espanhóis e holandeses, estes, especialmente após o domínio holandês entre 1630 e 1654.

Extensão

A cidade de Mamanguape originalmente alcançava um extenso espaço geográfico no litoral norte da capitania da Paraíba. Assim, Baía da Traição, Rio Tinto, Marcação e Mataraca, afora outros municípios para além do litoral, pertenciam a Mamanguape.

A cidade tem sua formação ligada fortemente aos portugueses e aos índios potiguaras, que forjaram o início da civilização naquela área do estado da Paraíba. Não, evidentemente, sem diversas disputas entre os dois lados, ao longo do tempo.

Essa composição humana inicial era ainda mais forte enquanto a sede da vila permanecia em Monte-Mor, hoje território indígena reconhecido pelos órgãos competentes, em área que se situa entre Rio Tinto e Marcação.

Vocação econômica

A vocação da Mamanguape para o plantio da cana de açúcar fez da cidade florescente polo de desenvolvimento, com destaque para o período situado entre 1850 e 1905, espaço de tempo em que se deu oficialmente a fundação da cidade, no ano de 1855.

Segundo relata a Wikipédia, “entre 1850 e 1905 Mamanguape possuía uma aristocracia rural muito promissora, ruas calçadas e iluminadas a lampião de azeite, comércio pujante de tecidos finos e mercadorias importadas, sobrados ornados com azulejos, famílias portuguesas e italianas e uma sociedade que se inspirava nos hábitos franceses”.

Hoje, o Centro Histórico de Mamanguape, um dos mais importantes da história da Paraíba, é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico da Paraíba (Iphaep), o que aconteceu em maio de 2004. 

Publicações sobre Economia do Turismo

DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA 

Related Posts
Foto: Youtube Divulgação
Na Ponta do Cabo Branco, a Estação Ciência se destaca em cenário paradisíaco que emoldura o litoral de João Pessoa Uma das últimas obras de Oscar Niemeyer é a Estação Cabo ...
READ MORE
Youtube.
Cidade de Pilar, na Paraíba, tem uma longa trajetória marcada por ciclos econômicos, e com centro histórico tombado As primeiras notícias sobre a fundação da cidade de Pilar, na Paraíba, datam ...
READ MORE
Igreja de Nossa Senhora da Boa Viagem-Alagoa Grande: destaque histórico
Alagoa Grande é um dos municípios paraibanos que nasceu e cresceu à sombra da lavoura da cana de açúcar, embora tenha se firmado enquanto vila um pouco depois de cidades ...
READ MORE
Pombal: poesia urbana de inestimável valor histórico e cultural
Desde 04 de abril de 2002 que Pombal tem o seu centro histórico tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep). Não, sem um certo ...
READ MORE
Foto: Secretaria de Turismo de João Pessoa
Sérgio Botêlho - Na parte considerada de Baixo Tambaú, onde a praia mais famosa de João Pessoa tem seu espaço de maior frege, há um espaço destinado à comercialização de ...
READ MORE
Festa de Reis em Renascença. Crédito da foto: Prefeitura de Sapé
O município de Sapé é lugar de festas memoráveis entre as realizadas na Paraíba. Uma delas é promovida pelo distrito de Renascença e já é bastante tradicional: a Festa dos ...
READ MORE
Youtube - Divulgação
Há encantamentos em toda a geografia da Paraíba e, entre eles, o Lajedo do Pai Mateus, no Cariri Paraibano, merece destaque especial Sérgio Botêlho - Conforme diz a lenda, um ermitão ...
READ MORE
Crédito da foto: Rafael Passos - Setur-JP
Lourdes Luna, Gonzaga Rodrigues, José Octávio, Ângela de Castro, Celso Mariz, Juarez Batista, Virginius da Gama, Linduarte Noronha, Severino Ramos, Hélio Zenaide e Neroaldo Pontes são alguns deles A Fundação Casa ...
READ MORE
Igreja da Conceição, em Sapé: recanto de fé e respeito à história
Sérgio Botêlho - A atual Igreja da Conceição, em Sapé (terra do poeta Augusto dos Anjos), foi inteiramente concluída, com a atual fachada, nos idos de 1929, portanto, há quase ...
READ MORE
Nossa Senhora dos Navegantes: um dia inteiro de festa em Marcação
Sérgio Botêlho - Dentro das tradições indígenas do município de Marcação, a Festa de Nossa Senhora dos Navegantes - que, para parte das religiões afro-brasileiras é a representação católica de ...
READ MORE
Estação Ciência, assinada por Niemeyer, na Paraíba, é
Pilar: a cidade onde nasceu José Lins do
Igreja de Nossa Senhora da Boa Viagem-Alagoa Grande:
Pombal: poesia urbana de inestimável valor histórico e
Feirinha de Tambaú: um luxo só na praia
Festa de Reis: tradição e muita alegria em
Lajedo do Pai Mateus: magia no entardecer do
Interlocutores do autor de A Bagaceira comporão galeria
Igreja da Conceição, em Sapé: recanto de fé
Nossa Senhora dos Navegantes: um dia inteiro de

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.