Como a cidade de Ceilândia se diferencia no Distrito Federal

Ceilândia, local onde a turma do Nordeste, que reside no Distrito Federal, se encontra em maior número, agora tem o reconhecimento como Capital da Cultura Nordestina no DF. Com efeito, foi essa a decisão do governo do DF, em 31 de dezembro passado. O ato foi assinado pelo vice-governador em exercício, Paco Britto.

Com efeito, o Governo do Distrito Federal adota o que é reconhecido por toda a capital federal, segundo pensam os moradores da cidade. Sem dúvida, quem visita a Feira da Ceilândia constata por todas as partes traços bastante vivos da cultura nordestina.

70% são nordestinos em Ceilândia

Reportagem publicada pela Agência Brasília, revela que 70% dos moradores de Ceilândia têm origem no Nordeste. De acordo com a matéria, que pode ser lida clicando aqui, os estados nordestinos com mais representatividade em Ceilândia são Bahia, Piauí, Paraíba, Ceará, Maranhão e Pernambuco.

Foi em março de 1971 que começou a ocupação de Ceilândia, com a chegada de 82 mil moradores. A saber, eram pessoas oriundas das ocupações não regulares da Vila do IAPI, Vila Tenório, Vila Esperança, Vila Bernardo Sayão Colombo e Morro do Querosene. Incialmente, ocuparam os setores “M” e “N”, ao norte de Taguatinga.

Cultura

A cidade registra centros da cultura do Nordeste bastante ativos, especialmente no campo da literatura de cordel. Afinal de contas, é em Ceilândia que mora o poeta repentista Zé do Cerrado.

Por causa de sua atividade poética, ele toma conta da Casa do Cantador, com milhares de folhetos catalogados. Não é por acaso, também, que a cidade possui, entre os destaques do calendário de Brasília, a realização do Maior São João do Cerrado.

Gastronomia

Por outro lado, a gastronomia nordestina aparece fortemente representada na Feira da Ceilândia. É naquele espaço que as mulheres da região preparam as iguarias típicas dos estados nordestinos.

Soa exemplos dessa cultura gastronômica o sarapatel, o caldo de mocotó, o baião de dois, a dobradinha, a buchada de bode, a moqueca, entre outros. Todos esses pratos típicos são facilmente encontrados na feira local.

Assim, quem deseja experimentar mais fortemente a cultura nordestina em Brasília, não pode deixar de visitar a Ceilândia. Com especial destaque para a feira popular na cidade, local de onde exalam todos os cheiros e sabores da região.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.