Biblioteca Nacional apresentará plano de segurança ao TCU

Tem Biblioteca Nacional, e mais: Bolsa e dólar; InovAtiva Brasil abre inscrições para apoio a novas startups

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

*TRANSVERSAIS DO TURISMO*, Ano II, Nº 185 de 24.06.2021 

Biblioteca Nacional apresentará plano de segurança ao TCU

A Fundação Biblioteca Nacional (FBN) deverá apresentar ao Tribunal de Contas da União (TCU), no prazo de 120 dias, um plano de segurança que contemple riscos relativos à infraestrutura predial, tais como: incêndio, alagamento e desabamento, além de riscos referentes a roubos, furtos e extravios de peças do acervo e patrimoniais. A instituição também deverá elaborar um plano de ação para a digitalização do acervo de obras raras ou de elevado valor histórico, no prazo máximo de dois anos.

Biblioteca Nacional II

As determinações foram expedidas na sessão plenária do dia 16/6, após o julgamento do processo TC 040.676/2019-6, relatado pelo ministro-substituto Marcos Bemquerer. “Apesar de haver medidas já implementadas nas unidades da FBN para prevenção de incêndios, alagamentos e sinistros, bem como contra roubo, furto e extravio, a aludida Fundação carece de um plano de segurança orgânico, capaz de abranger os sete imóveis que compõem a estrutura predial da entidade e de assegurar eficiência, eficácia e efetividade máxima em sua implementação”, declarou o ministro em seu voto.

Biblioteca Nacional III

A FBN é depositária do maior patrimônio bibliográfico e documental do Brasil, sendo considerada pelas Nações Unidas como a maior biblioteca nacional da América Latina e uma das dez maiores do mundo. Atualmente é vinculada ao Ministério do Turismo (MTur). A estrutura predial da instituição é composta por sete imóveis: o prédio-sede, o anexo-sede (Hemeroteca), as salas da rua Debret, a Casa da Leitura, as instalações do Edifício Gustavo Capanema e o Teleporto, todos no Rio de Janeiro, além do Escritório de Direito Autoral, localizado em São Paulo.

InovAtiva Brasil abre inscrições para apoio a novas startups

Estão abertas as inscrições para o Ciclo 2021.2 do InovAtiva Brasil, maior programa de aceleração de startups da América Latina. Até 360 startups e projetos de negócios inovadores de base tecnológica serão selecionados para participar de um ciclo de aceleração online e gratuito, realizado de agosto a dezembro deste ano. As inscrições seguem até 19 de julho e podem ser feitas no site.

Novas startups II

O programa tem o objetivo de capacitar empreendedores de todo o país e oferecer oportunidades de conexão, visibilidade e mentoria para as startups aceleradas O ciclo de aceleração está dividido em duas etapas: Aceleração e Conexão. Para a primeira etapa, serão selecionados até 360 projetos, que participarão de atividades de mentoria de negócios, capacitação empreendedora e do evento InovAtiva Day.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) sdfasdfsdf

⏳ Destaques:

Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.
Notícias sobre Economia do Turismo

You may also like

Leave a Reply