Turismo sueco experimenta queda brusca, acompanhando a economia

Turismo sueco, a exemplo da economia do país, experimenta uma queda brusca diante da crise do coronavírus. Portanto, a estratégia de não manter o isolamento social de forma horizontal não deu certo, do ponto de vista econômico.

Se não deu certo do ponto de vista econômico, também não funcionou no quesito da preservação de vidas. Assim, aquele país nórdico tem uma taxa de mortalidade bem acima dos demais países vizinhos, que adotaram a quarentena. 

Sobre a economia, a recessão na Suécia acompanha a dos demais países europeus bem como a de seus vizinhos regionais. O Riksbank, banco central sueco estima queda do PIB de 7,1%. A previsão para a Europa é de 7,4%.

O repórter da Euronews Per Bergfors Nyberg afirma que “mesmo se a Suécia permaneceu relativamente aberta durante a pandemia de coronavírus, a economia sofreu um rombo. Críticos dizem que o governo poderia ter feito mais”.

Table of Contents

Vidas

Quanto à preservação de vidas, o resultado da decisão sueca contra o isolamento é desastroso. Desde o início da pandemia, o país teve mais de 3 vezes o total combinado de mortes da Dinamarca, Noruega, Finlândia e Islândia, seus vizinhos mais próximos.

E, tem mais: não houve desenvolvimento de anticorpos como era esperado como fruto da política adotada. A saber, apenas 7,3% dos moradores de Estocolmo desenvolveram anticorpos contra o coronavírus.

“A Suécia é um país dependente das exportações. 50% do nosso PIB deriva das exportações. E estamos particularmente dependentes do mercado único. E quando não está a funcionar como seria de esperar, como acontece numa crise, então nós somos seriamente atingidos”, explica Anna Hallberg, ministra para o Comércio Externo e Assuntos Nórdicos.

Turismo

Agora, com índice de mortalidade bem maior que os países europeus e vizinhos, está difícil os turistas regressarem ao país. Mesmo com o governo sueco favorável a menos restrições fronteiriças, a perspectiva não é animadora. Tudo fruto de uma política equivocada com relação ao enfrentamento do coronavírus. 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.