6 de março de 1817: Recife é ocupada e tem início a Revolução de 1817

Militares, comerciantes e clérigos tomam a capital pernambucana e iniciam a Revolução de 1817, de cunho liberal, republicano e independentista

Revolução de 1817
Bandeira da República proclamada pelos revolucionários. As 3 estrelas representavam Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte. Inspirou a atual bandeira pernambucana
No Twitter.

Sérgio Botêlho – Um dos capítulos mais significativos da luta pela independência do Brasil, a Revolução de 1817, ocorrida 5 anos antes da Proclamação da Independência, foi também a mais sangrentamente reprimida pela Coroa Portuguesa.

Também ficou conhecida como Revolução Pernambucana (mas, com ativa participação de Paraíba e Rio Grande do Norte) e, ainda, Revolução dos Padres, pela força da participação da Igreja, com destaque para o Frei Caneca (Joaquim da Silva Rabelo, depois Frei Joaquim do Amor Divino Rabelo) – um dos mártires da Confederação do Equador, de 1824, que pretendia separar Pernambuco e o Nordeste do Brasil, e estabelecer a República – e o padre João Ribeiro, que suicidou-se com a derrota do movimento de 1817. 

Os revolucionários chegaram a proclamar a República, após estabelecerem um governo provisório, além de convocarem uma Assembleia Constituinte, onde foi estabelecida a separação entre os poderes Legislativo, Executivo e Judiciário.

No plano religioso, o catolicismo foi mantido como religião oficial, porém com liberdade de culto. Além disso, foi proclamada a liberdade de imprensa (uma grande novidade no Brasil), tendo sido abolidos alguns impostos. A escravidão, entretanto, foi mantida.

Repressão

A repressão da Coroa Portuguesa, com D. João VI instalado no Rio de Janeiro, foi violentíssima, com o objetivo de desestimular qualquer nova rebelião do tipo, punição que contou com a ajuda dos governos da Bahia e do Ceará, e a participação de comerciantes portugueses e proprietários rurais pernambucanos.

Dezenas de revoltosos foram presos e fuzilados. O padre João Ribeiro, que havia se suicidado, teve seu corpo desenterrado e esquartejado, com sua cabeça exposta publicamente. 

Os corpos de outros revoltosos também tiveram o mesmo destino, inclusive o de Peregrino de Carvalho, exposto na Parahyba, capital do estado homônimo. Estava terminado mais um capítulo nativista da história brasileira.

Fontes: 

Revolução Pernambucana

Revolução Pernambucana: a luta, a repressão e o fim do movimento 

Related Posts
7 de março de 1808: família real portuguesa chega ao Rio
Fugindo das tropas de Napoleão Bonaparte e com apoio dos ingleses, família real portuguesa chega ao Rio para mudar história do Brasil Sérgio Botêlho - Depois de passar por São Salvador ...
READ MORE
12 de abril de 1961: Gagarin realiza 1º voo espacial humano
Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas instituiu 12 de abril, o Dia Internacional do Voo Espacial Humano Em 12 de abril de 1961 aconteceu a viagem do cosmonauta Yuri Gagarin ...
READ MORE
7 de abril: Dia do Jornalista, conforme decisão da ABI
Ao se comemorar o Dia do Jornalista é necessário imaginar a profissão como intimamente ligada à liberdade de expressão e ao Estado de Direito Sérgio Botêlho - No terreiro da Comunicação, ...
READ MORE
05 de março de 1933: Roosevelt inicia implementação do programa New Deal
Empossado a 04 de março de 1933, um dia depois, o presidente Roosevelt rompe com o liberalismo, decreta feriado bancário, e dá início ao New Deal Sérgio Botêlho - Numa quinta-feira ...
READ MORE
31 de março de 1821: Portugal extingue o Tribunal do Santo Ofício
Após 300 anos de muita história de tortura e assassinatos em praça pública, o Tribunal do Santo Ofício é extinto em Portugal Após quase 300 anos de atividade, o Tribunal do ...
READ MORE
3 de abril: Dia do Desporto Comunitário, que muito bem faz à saúde
6 benefícios do esporte para a saúde que devem servir de incentivo às gentes de todas as idades, neste Dia do Desporto Comunitário Como sempre, na passagem de mais um 3 ...
READ MORE
Crédito da foto: Canva
Naquele momento, eram 118 mil casos de Covid-19 em 114 países e 4,2 mil pessoas tinham morrido: ligeiro, esses números foram à casa do milhão Em 11 de março de 2020 ...
READ MORE
Constituição de 1891 - Senado Federal
Após a proclamação da República, em 15 de novembro de 1889, a primeira Constituição republicana foi elaborada em 3 meses por uma Assembleia Legislativa para isso reunida Menos de dois anos ...
READ MORE
1º de abril é Dia da Mentira ou Dia dos Bobos de Abril
O Dia da Mentira é uma tradição dos países ocidentais - e muito fortemente, no Brasil - em que as pessoas normalmente pregam peças em outras O Dia da Mentira, também ...
READ MORE
17 de março de 1991: plebiscito põe fim ao apartheid na África do Sul
Vigente desde 1948, o apartheid na África do Sul teve fim com plebiscito feito só com votantes brancos, último ato do segregacionismo Em 1948, tendo como primeiro ministro o pastor protestante ...
READ MORE
7 de março de 1808: família real portuguesa
12 de abril de 1961: Gagarin realiza 1º
7 de abril: Dia do Jornalista, conforme decisão
05 de março de 1933: Roosevelt inicia implementação
31 de março de 1821: Portugal extingue o
3 de abril: Dia do Desporto Comunitário, que
11 de março de 2020: OMS informava que
24 de fevereiro de 1891: primeira Constituição republicana
1º de abril é Dia da Mentira ou
17 de março de 1991: plebiscito põe fim

Um comentário em “6 de março de 1817: Recife é ocupada e tem início a Revolução de 1817

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.