Combate a desmatamento pode gerar ganhos econômicos ao Brasil

Tem ganhos econômicos ao Brasil, e mais: Bolsa e dólar; com vacina, despencam casos de Covid em cidade paulista

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

*ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 171 de 10.06.2021 

Combate a desmatamento pode gerar ganhos econômicos ao Brasil

O desmatamento é a solução tradicional para a expansão da produção agropecuária. Esse é um dos motivos pelos quais as políticas

de controle são combatidas por alguns setores, que alegam prejuízos gerados pela manutenção da floresta. O argumento do outro

lado, que já tem lastro consistente em pesquisas e experiências diversas, é o de que é possível aumentar a produção sem destruir as

florestas. Pesquisadores do Cedeplar, o Centro de Desenvolvimento e Planejamento Regional da UFMG, acabam de dar novos

números a essa convicção.

Ganhos econômicos ao Brasil II

De acordo com o trabalho, publicado pelo Núcleo de Estudos em Modelagem Econômica e Ambiental (Nemea), políticas de controle

do desmatamento na Amazônia – incluindo o chamado “desmatamento econômico” (que visa ao aumento da produção) –

acompanhadas de investimentos que viabilizem a compensação são factíveis e baratas. Os resultados do estudo, que é abundante

em números, demonstram que investimentos de R$ 1,45 bilhão no período de 2021 a 2040 seriam capazes de gerar R$ 2,7 bilhões

em atividade econômica.

Ganhos econômicos ao Brasil III

“Esse aporte de recursos teria efeitos diretos, como geração de emprego e renda, não apenas na Amazônia, mas no país como um

todo. Uma política de desmatamento zero nesses moldes seria extremamente vantajosa não apenas na dimensão ambiental, uma

vez que reduz a emissão de gases de efeito estufa e preserva o regime de chuvas no país, mas também, por exemplo, na área da

política externa”, diz o professor Edson Domingues, da Faculdade de Ciências Econômicas (Face), um dos autores do estudo, com a

colega Aline Souza Magalhães e a doutoranda Gessica Cardoso.  

Com vacina, despencam casos de Covid em cidade 

A imunização de toda a população adulta do município de Serrana, no interior paulista, com a vacina CoronaVac, do Butantan, fez os

casos sintomáticos de Covid-19 despencarem 80%, as internações, 86%, e as mortes, 95% após a segunda vacinação do último

grupo. Essa é a principal conclusão do Projeto S, estudo clínico de efetividade inédito no mundo realizado pelo instituto na cidade. A

redução foi constatada por meio da comparação dos dados desde o início do projeto – até completar a vacinação de todos os grupos

– com o restante do trimestre avaliado (fevereiro, março e abril de 2021).

Covid em cidade

Os resultados também mostraram que a vacinação protege tanto os adultos que receberam as duas doses do imunizante quanto as

crianças e adolescentes com menos de 18 anos, que não foram vacinados. “A redução de casos em pessoas que não receberam a

vacina indica a queda da circulação do vírus. Isso reforça a vacinação como uma medida de saúde pública, e não somente

individual”, explica o diretor de ensaios clínicos do Instituto Butantan, Ricardo Palacios, também diretor do estudo.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) fechou com leve alta de 0,09%, a 129.907 pontos. O dólar terminou o dia em alta de

0,64%, a R$ 5,07.

⏳ Destaques:

Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.

Notícias sobre Economia do Turismo 

Related Posts
Plataformas de trabalhos digitais aumentam cinco vezes na última década
Além de trabalhos digitais: Dólar e Bolsa; Prêmio Brasileirão 2020; Pantanal e Amazônia homenageados; Refis no DF; unidades de conservação  🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 64 de ...
READ MORE
Empresas aéreas têm prejuízo recorde no Brasil, na pandemia 
Prejuízo recorde das empresas aéreas brasileiras. Desmatamento no Cerrado. Controle peruano sobre o coronavírus. Vem aí o turismo regenerativo. Sobe demais o frete Brasil-China. 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ Segundo a Agência Nacional da ...
READ MORE
Canabidiol legal brasileiro, como produtos sensuais, ganha espaço na Europa
E MAIS: Covid: cresce o risco de infecções no Rio de Janeiro.  Reajuste de aluguéis devem ser negociados. Passeio Público do Rio será reaberto.  🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano ...
READ MORE
TCU vê riscos no Plano de implantação da Internet das Coisas
Tem internet das coisas, e mais: Bolsa e dólar; e Guará entra na rota do turismo brasiliense 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *TRANSVERSAIS DO TURISMO*, Ano II, Nº 186 de 25.06.2021  TCU vê riscos ...
READ MORE
Photo by C. Cagnin on Pexels.com
Tem medidas restritivas no Rio, e mais: Bolsa e dólar; Jornalismo em seguro tem prêmios entregues; 1º de maio de São José Operário 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, ...
READ MORE
Como funcionam crédito, reembolso e remarcação de passagens aéreas 
Além de passagens aéreas, leia: dólar e Bolsa; proibição na Anchieta-Imigrantes; Pronampe em debate; Bahia cadastra profissionais de eventos 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 90 de 20.03.2021 Como ...
READ MORE
ONU/Shane Gross
Tartaruga, no mar das Bahamas, vítima da poluíção dos oceanos.
Afora lixo plástico marinho, leia: despenca confiança de micros e pequenos; passam a valer alterações no Código de Trânsito; academias em debate na Câmara 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano ...
READ MORE
Expectativa de vida na América Latina varia em até 14 anos
Tem expectativa de vida, e mais: Bolsa e dólar; tese investiga o que é uma obra de arte feia 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 183 de 22.06.2021   Expectativa ...
READ MORE
Fechamento da Ford no Brasil afeta cadeia produtiva; Horizonte, Camaçari e Taubaté sofrerão forte impacto
E MAIS: Museu do Louvre tem 72% de queda em visitação. Distribuição de bebidas tem orientação do Sebrae. Menos mortes no trânsito em Brasília. Papa amplia espaço da mulher na ...
READ MORE
Barroso, do STF, defende regras claras no combate às fake news
Tem combate às fake news, e mais: Bolsa e dólar; Câmara debate turismo rural nesta segunda-feira, 5 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *TRANSVERSAIS DO TURISMO*, Ano II, Nº 196 de 5.07.2021 Barroso defende regras ...
READ MORE
Plataformas de trabalhos digitais aumentam cinco vezes na
Empresas aéreas têm prejuízo recorde no Brasil, na
Canabidiol legal brasileiro, como produtos sensuais, ganha espaço
TCU vê riscos no Plano de implantação da
Medidas restritivas no Rio de Janeiro seguem até
Como funcionam crédito, reembolso e remarcação de passagens
Iniciativa global visa combater lixo plástico marinho
Expectativa de vida na América Latina varia em
Fechamento da Ford no Brasil afeta cadeia produtiva;
Barroso, do STF, defende regras claras no combate

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.