O que aconteceu com a Bovespa e com o dólar nesta quarta-feira, 23?

Sérgio Botêlho – Bovespa e dólar. A Bolsa de Valores de São Paulo fechou a quarta-feira, 23, em significativa baixa de -1,60%, abaixo dos 96.000 pontos (95.375). Enquanto isso, o dólar experimentou forte alta de 3,48%, a R$ 5,99.

Valor

Segundo o Valor Econômico, a queda deveu-se “à aversão ao risco vinda do exterior com as chances cada vez mais remotas de um novo pacote de estímulos americano foi a principal causa, mas a bolsa brasileira já sofre há algumas semanas com a fragilidade das contas públicas. As perdas só não foram maiores em função da valorização das ações da Localiza, IRB e Vale”.

Infomoney

Já o Infomoney diz que “o que pesou negativamente foi o exterior, em um novo dia de sell-off nas ações de empresas de alta tecnologia dos Estados Unidos. Lá fora, os índices Dow Jones, S&P 500 e Nasdaq recuaram 1,92%, 2,37% e 3,02% respectivamente. As ações da Amazon caíram 4,1% e as do Netflix se desvalorizaram em 4,2%, mesma variação dos papéis da Apple. Facebook recuou 2,3% e Alphabet (controladora do Google) teve queda de 3,5%”. DESTAQUES DA GRANDE MÍDIA IMPRESSA DE HOJE

Estadão

Na avaliação do Estadão, “a piora vista no mercado acionário de Nova York perto do final do pregão, motivada por uma nova queda das ações de tecnologia, contaminou a Bolsa de Valores de São Paulo, a B3. O ambiente de fuga do risco vindo de fora fez também com que os investidores buscassem proteção no dólar ao redor do globo. Como resposta, a divisa fechou por aqui com forte valorização de 2,15%, a R$ 5,5869”.

Folha

De acordo com a Folha, “o mercado está preocupado com uma segunda onda de infecções por covid, com os investidores temerosos sobre se vai haver mesmo uma recuperação das principais economias”, segundo opina Reginaldo Galhardo, gerente de câmbio da Treviso Corretora.

You may also like

Leave a Reply