Experimentos em animais para cosméticos seguem proibidos no Rio

Tem animais para cosméticos, e mais: Bolsa e dólar; Senado debaterá privatização da Eletrobras em sessão especial

🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_

*ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 160 de 30.05.2021

Experimentos em animais para cosméticos seguem proibidos no Rio

O Supremo Tribunal Federal (STF) julgou constitucional dispositivos da lei do Estado do Rio de Janeiro que proíbem a utilização de animais para desenvolvimento, experimentos e testes de produtos cosméticos, de higiene pessoal, perfumes e de limpeza. Por 10 votos a 1, o colegiado entendeu que as regras estão dentro da competência dos entes federados para legislar sobre proteção ao meio ambiente e ao consumidor.

Animais para cosméticos II

O colegiado, contudo, invalidou trechos da mesma lei que proíbem a comercialização, no estado, de produtos derivados de testes animais vindos de outras unidades da federação e exigem que os rótulos informem que não houve testagem em animais. Por 6 votos a 5, prevaleceu o entendimento de que a lei invadiu a competência da União para legislar sobre comércio interestadual ​e sobre a discriminação de informações nos rótulos dos produtos.

Animais para cosméticos III

A decisão foi tomada na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5995, a ação ajuizada pela Associação Brasileira da indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), sob o argumento de que a Lei estadual 7.814/2017 contrariaria a Lei Arouca (Lei 11.794/2008), norma federal que autoriza pesquisas com animais para fins científicos. Para a associação, a lei invade a competência normativa da União para legislar sobre normas gerais em relação à proteção da fauna, e a proibição de venda de produtos de outros estados que não adotem as mesmas regras interfere indevidamente no comércio interestadual.

Senado debaterá privatização da Eletrobras em sessão especial

O Plenário do Senado aprovou nessa quinta-feira (26) a realização de uma sessão especial de debates para discutir a medida provisória que viabiliza a desestatização da Centrais Elétricas Brasileiras S.A., a Eletrobras. (MP 1.031/2021). A data ainda será definida. Vários senadores vinham se manifestando durante a semana pedindo mais debates em relação à MP, que abre caminho para a privatização da estatal de energia elétrica. 

sadfasdfasdf

A MP foi aprovada pela Câmara dos Deputados na semana passada e agora será avaliada pelo Senado. O requerimento para a sessão de debates (RQS 1.565/2021) foi apresentado pelo senador Paulo Rocha (PT-PA), com apoio de colegas. Conforme o pedido, a sessão poderá ter a presença do Ministério de Minas e Energia, da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Também serão convidados representantes dos prefeitos, dos consumidores, da indústria e de entidades ambientalistas.

Bolsa de Valores

Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) não funciona nos finais de semana .

⏳ Destaques:

Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.
Notícias sobre Economia do Turismo
Related Posts
Apenas 2 cidades brasileiras entre as 109 marcas turísticas mais fortes do mundo
E MAIS: Aeroportos privatizados devem deixar de recolher R$ 15 bilhões ao governo. OEA condenou ataques ao Capitólio. Vacina: renova-se a esperança. OI obrigada a conservar e atualizar telefones de ...
READ MORE
CCJ da Câmara aprova venda direta de etanol a postos
Tem venda direta de etanol, e mais: Bolsa e dólar; R$4,25 milhões serão investidos em gestão ambiental na BA; DF mapeia ameaças socioambientais 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, ...
READ MORE
Photo by Pixabay on Pexels.com
Tem incêndios florestais, e mais: Bolsa e dólar; acessibilidade de salas de cinema é prorrogada até 2023 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 161 de 31.05.2021 Câmara debate diagnósticos ...
READ MORE
Crédito da foto: Canva
Além de serviços com crescimento reduzido, tem mais: dólar e Bolsa; emprego e saúde, querem brasileiros; consignado; planejamento viário e a CNT 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº ...
READ MORE
Crédito da imagem: Canva
E MAIS: Novo Olhar do Turismo, em Brasília. Manejo ecológico na capital federal. Atos da Fundação Palmares são contestados. Pan-americanos de Santiago se aproximam. 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_  *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano ...
READ MORE
Crédito: Canva
Cidades endurecem medidas contra aglomerações no carnaval 2021 E MAIS: DF recebe mais 37.400 doses de vacina. Endividamento das famílias em Brasília aumenta. Hidrovias do Brasil emite títulos no mercado internacional. 🖋 ...
READ MORE
Brasileiros já buscam destinos, desde que sem aglomeração
Além de destinos sem aglomeração, leia: dólar e Bolsa; Copa Brasil de Marcha Atlética; vai começar a Copa do Brasil; vacinas; parque fecha em Brasília. 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, ...
READ MORE
Famílias endividadas no país chegam a 67,3% do total, em março 
Além de famílias endividadas, leia: dólar e Bolsa; selo turísticos internacionais; concessão de rodovias no Rio; usinas de oxigênio no DF  🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 101 ...
READ MORE
Europa: da economia linear para a economia circular
Tem economia circular, e mais: Bolsa e dólar; Brasil procura reforçar o turismo gastronômico 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 167 de 06.06.2021 Europa: da economia linear para a ...
READ MORE
Pauta feminina: Pandemia apaga avanços na igualdade de gênero
Além de pauta feminina, leia: festas clandestinas em SP; União Europeia deve reter vacinas; retorno às aulas; inovação robótica educacional 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 76 de ...
READ MORE
Apenas 2 cidades brasileiras entre as 109 marcas
CCJ da Câmara aprova venda direta de etanol
Câmara debate diagnósticos de incêndios florestais
Crescimento dos serviços tem projeção reduzida pela CNC
Turismo se fortalece no movimento municipalista
Cidades endurecem medidas contra aglomerações no carnaval 2021
Brasileiros já buscam destinos, desde que sem aglomeração
Famílias endividadas no país chegam a 67,3% do
Europa: da economia linear para a economia circular
Pauta feminina: Pandemia apaga avanços na igualdade de

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.