Vale dos Dinossauros: destaque pré-histórico do Sertão paraibano

Em Sousa, no Sertão Paraibano, o destaque é pré-histórico, na forma do Vale dos Dinossauros, momento singular no roteiro turístico estadual

A descoberta na região do Rio do Peixe, mais precisamente na cidade de Sousa, no Sertão Paraibano, de referências materiais que marcam a presença de diversos animais pré-históricos, transformaram o local em forte atrativo para a ciência e para o turismo.

Dessa forma, o estado da Paraíba passou a roteiro nacional do turismo ligado à pré-história mundial, onde podem ser vistos e pesquisados rastros e trilhas fossilizadas de mais de 80 espécies em cerca de 20 níveis estratigráficos.

O Vale dos Dinossauros é hoje uma unidade de conservação do estado da Paraíba, criada em 27 de dezembro de 2002 pelo Decreto Estadual N.º 23.832 e classificada como um Monumento Natural.

Em toda a região, encontram-se rastros fossilizados cujo tamanho varia de 5 cm (de um dinossauro do tamanho de uma galinha), até 40 cm, como as pegadas de iguanodonte de 4 toneladas, 5 metros de comprimento e 3 metros de altura. A maioria das pegadas são de dinossauros carnívoros.

Existe também (embora em menor quantidade), marcas petrificadas de gotas de chuva, plantas fósseis, ossadas parciais de animais pré-históricos e pinturas rupestres feitas pelos antigos habitantes. Estas últimas localizam-se principalmente no Serrote do Letreiro (em Sousa) e Serrote da Miúda (nos municípios de São Francisco e Santa Cruz).

Período cretáceo

Na região da América Latina é o maior conjunto de pegadas de dinossauros provenientes da fase inicial do período Cretáceo. No entanto, já começa a haver preocupação com o risco de destruição devido ao mau estado de proteção de determinados locais com presença de pegadas.

Enfim, uma visita digna de qualquer roteiro turístico que envolva a Paraíba ou estados vizinhos como Ceará, Pernambuco e Rio Grande do Norte, com elogios registrados na internet, de forma positiva, por quem já visitou a unidade de conservação sousense.

Related Posts
Foto: Google
Sérgio Botêlho - Começámos, nesta segunda-feira, 09, nossos registros, aqui no Para Onde Ir, sobre as duas capelas com referência à história da luta contra os holandeses. Desta feita, cumpre abordar ...
READ MORE
Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, no Poço: muita história a contar
Sérgio Botêlho - A pequena Igreja de Nossa de Nazaré, na Praia do Poço, distrito de Cabedelo, já tem mais de século de história. No entanto, ela revive outro templo ...
READ MORE
Facebook
Sérgio Botêlho - À direita da PB-011, que vai da BR-101 a Forte Velho, dentro do município de Santa Rita, existe a Capela de Santana do Gargaú, bastante deteriorada, mas ...
READ MORE
Crédito: Prefeitura de Pedras de Fogo
Sérgio Botêlho - A Igreja de Nossa Senhora da Conceição, em Pedras de Fogo, é obra religiosa cuja conclusão data de finais do século XIX. Para não fugir da regra, ...
READ MORE
Igreja da Conceição, em Sapé: recanto de fé e respeito à história
Sérgio Botêlho - A atual Igreja da Conceição, em Sapé (terra do poeta Augusto dos Anjos), foi inteiramente concluída, com a atual fachada, nos idos de 1929, portanto, há quase ...
READ MORE
Importante ponto turístico e cultural de João Pessoa está em recuperação
Prefeitura da capital promove recuperação de importante ponto turístico e cultural de João Pessoa que, em breve, estará pronto como atração O Centro Cultural Casa da Pólvora, um dos mais importantes ...
READ MORE
Crédito da foto: Câmara Municipal de Princesa Isabe.
Cidade que já foi proclamada Território Livre, Princesa Isabel, na Paraíba, foi cenário de episódios históricos nacionalizados Caminhar pelas ruas de Princesa Isabel provoca inevitavelmente uma vibração diferente. Principalmente, se o ...
READ MORE
Pombal: poesia urbana de inestimável valor histórico e cultural
Desde 04 de abril de 2002 que Pombal tem o seu centro histórico tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep). Não, sem um certo ...
READ MORE
Youtube - Divulgação
Na fundação da Cidade Real de Nossa Senhora das Neves, em 1585, o rio Sanhauá teve papel geográfico e histórico fundamental Ainda hoje, a partir do Hotel Globo, no centro histórico ...
READ MORE
Crédito: https://www.destinoparaiba.pb.gov.br/
É a cidade de Alagoa Grande o cenário onde viveram figuras e ocorreram revoltas extremamente importantes para a história da Paraíba Terra de Jackson do Pandeiro e de Margarida Maria Alves, ...
READ MORE
Capela de Nossa Senhora da Batalha: referência histórica
Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, no Poço:
Capela de Santana do Gargaú: muita história coberta
Igreja de Nossa Senhora da Conceição, em Pedras
Igreja da Conceição, em Sapé: recanto de fé
Importante ponto turístico e cultural de João Pessoa
Princesa Isabel respira história por todos os poros
Pombal: poesia urbana de inestimável valor histórico e
Sanhauá: rio que é a própria história de
Alagoa Grande: terra de vultos históricos e de

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.