Golpe no Whatsapp: usando Covid, golpistas tentam roubar acesso na rede

Segundo o jornal Estado de São Paulo (Estadão), golpistas têm aproveitado a pandemia do novo coronavírus para tentar roubar acesso a redes sociais e arrecadar dinheiro de vítimas. Na modalidade mais nova, segundo o texto, o criminoso se apresenta como representante do governo federal e usa como isca um falso agendamento da vacinação contra a covid-19 por WhatsApp — procedimento que nem sequer é realizado pelo Ministério da Saúde.

Em janeiro, conta o Estadão, a pasta comandada pelo general Eduardo Pazuello chegou a emitir alerta sobre o golpe em prática no País. “O Ministério da Saúde esclarece que não realiza agendamento para aplicação de nenhum tipo de vacina, e nem envia códigos para celular dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS)”, diz o comunicado. “Caso receba solicitação de cadastro, não forneça seus dados e denuncie às autoridades competentes.”

Matéria completa no link:

https://saude.estadao.com.br/noticias/geral,golpe-da-vacina-grupos-usam-falso-agendamento-para-roubar-acesso-a-redes-sociais-saiba-como-evitar,70003613454 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.