Após mais de 200 dias fechados, Goiânia retoma eventos de negócios

Prefeitura de Goiânia autoriza retorno de simpósios, congressos, feiras e atividades com obediência a protocolos de segurança 

Prefeitura de Goiânia autoriza retorno de simpósios, congressos, feiras e atividades com obediência a protocolos de segurança 

Atendendo a pleito apresentado pelo setor de eventos de Goiânia, a prefeitura da capital autorizou, no dia 8 de outubro, o retorno, com os adequados protocolos de segurança sanitária, dos eventos de negócios. A realização de simpósios, congressos, feiras e atividades afins está suspensa em razão da pandemia do novo coronavírus desde 19 de março – há exatos 204 dias – e poderá ser retomada na semana que vem.

Retomada

A retomada das atividades do segmento, que integra a cadeia do turismo, foi determinada em reunião remota extraordinária, na tarde da últimia quinta-feira (08), entre o Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública de Goiânia (COE) e dirigentes da Fecomércio-GO, do Sindicato de Turismo e Hospitalidade no Estado de Goiás (Sindtur) e do Sindicato dos Bares e Restaurantes do Município de Goiânia (Sindibares).

DÓLAR, VIAGENS AÉREAS, HISTÓRIA HOJE, BOLSA, ANIVERSÁRIOS MUNICIPAIS, APROVEITE E ASSINE O BLOG POR E-MAIL. ACESSE CLICANDO AQUI

Na reunião, ficou estabelecida a retomada gradual das atividades do setor de eventos de negócios, limitada a 50% da ocupação dos espaços ou até 150 participantes, com garantia de distanciamento de um metro e meio nas áreas destinadas ao acesso e de dois metros entre os participantes durante os eventos. 

As entidades empresariais reafirmaram o compromisso com a rigorosa execução dos protocolos de prevenção e higiene, como o uso obrigatório de máscara, oferta de álcool 70% e limpeza frequente de ambientes, banheiros, superfícies e áreas de uso comum e uso de ventilação natural.

“A retomada das atividades é vital para as empresas e os empregos do setor de negócios, último segmento econômico à voltar às atividades”, disse o presidente do Sindtur, Ricardo Rodrigues. “Com o retorno dos eventos, o segmento tem a oportunidade de começar a recuperar as perdas dos mais de 200 dias fechado”, afirmou o presidente do Sindibares Goiânia, Newton Pereira.

Com informações da Confederação Nacional do Comércio

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.