Exposições, cursos e oficinas da Funjope são suspensas em Jampa

Medida da Funjope, que obedece a decisão da Prefeitura de João Pessoa e do Governo da Paraíba, visa contribuir para conter coronavírus

As atividades presenciais realizadas pela Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope) estão suspensas. A medida, que obedece ao decreto definido pela Prefeitura de João Pessoa e pelo Governo da Paraíba, visa contribuir para conter a disseminação do coronavírus, e afeta exposições, cursos e oficinas, além de alterar o atendimento ao público.

E-BOOK GRATUITO - Todas as praias de João Pessoa e Cabedelo, no Litoral Paraibano

Seguindo as determinações contidas no decreto, publicado hoje no Diário Oficial, ficam suspensas as exposições Abre Alas Cultural, no Centro Cultural Casa da Pólvora; Memória e Samba, no Casarão 34; Paço do Frevo e das Ala Ursas, no Paço Municipal; Todas as Tribos e Arte Contemporânea, no Hotel Globo, que tinham previsão de seguir até o dia 28 de fevereiro.

Além das exposições, foram suspensos os cursos e oficinas realizados pelo Centro Cultural de Mangabeira, no período de vigência do decreto. O trabalho na Funjope ocorre de maneira híbrida, alguns serviços realizados em home office, e outros por uma equipe básica em atuação para atendimentos agendados na sede.

“Estamos seguindo as orientações do prefeito Cícero Lucena e do governador João Azevêdo no sentido de colaborarmos efetivamente com a preservação das vidas em nossa cidade. O momento de pandemia exige uma intensificação dos cuidados, das pessoas não aglomerarem, de deixarem um pouco de exercitar a sua mobilidade e se concentrarem mais em casa, nos cuidados que precisam tomar para sanar ou minimizar os danos da covid-19”, ressaltou o diretor-presidente da Funjope, Marcus Alves.

Ele acrescentou que a Fundação Cultural não poderia deixar de atender a esse apelo do prefeito. “A partir de hoje, estamos fechando nossos equipamentos culturais. Vamos deixar boa parte do nosso trabalho de forma remota, e vamos começar a atender ao público com agendamento, como forma de diminuir os danos provocados pela covid-19. Em breve, se Deus quiser e se todos nós tomarmos essas atitudes, nós estaremos de volta para nossas atividades normais”, completou.

Da Redação do Para Onde Ir

 

Related Posts
Edição ‘Prima Convida’ de julho destaca os temas música e futebol
‘Uma Orquestra em Campo’ será o tema da próxima edição do projeto Prima Convida, marcado para a noite do dia 28 de julho “Por ser no mês de julho, dia 19, ...
READ MORE
Vai começar mais um Maior São João do Cerrado
Entre os dias 09 e 11 de agosto acontece, em Brasília, o Maior São João do Cerrado, um grande palco da cultura nordestina em pleno Planalto Central, inteiramente voltado para ...
READ MORE
João Azevêdo inaugura Centro de Referência da Renda Renascença
Equipamento Centro de Referência da Renda Renascença simboliza investimentos do governo estadual no artesanato paraibano O governador João Azevêdo inaugura, nesta quinta-feira (25), em Monteiro, no Cariri paraibano, o Centro de ...
READ MORE
João Pessoa assiste evento de repentistas e poetas nesta quarta, 3
A Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) exibe, nesta quarta-feira (3), o quarto programa com os melhores momentos da temporada 2020 do De Repente na Rede, atração que presta uma ...
READ MORE
4º Festival de Música da Paraíba classifica sete novas músicas
Encerramento do 4º Festival de Música da Paraíba acontecerá na próxima sexta-feira, 10, com a escolha dos cinco vencedores do evento Sete novas músicas foram classificadas na noite deste sábado (04), ...
READ MORE
Plantio de árvores nativas da Mata Atlântica vira programa em Jampa
Em cada rua beneficiada com pavimentação e drenagem, na capital paraibana, prefeitura incentiva plantio de árvores nativas da Mata Atlântica A Prefeitura de João Pessoa vem incentivando o plantio de árvores ...
READ MORE
Crédito da foto: Canva
Nesta quinta-feira (01), João Pessoa vacina as pessoas com autismo ou síndrome de down maiores de 18 anos, das 8h às 12h A Prefeitura de João Pessoa vai ampliar a imunização ...
READ MORE
Parque Sólon de Lucena: da Lagoa dos Irerês às artes de Burle Marx
Sérgio Botêlho - Contar a história do Parque Sólon de Lucena é passear pela própria história da atual cidade de João Pessoa. Expandindo-se, a partir do Sanhauá, a velha cidade ...
READ MORE
Empréstimo de R$ 100 mi permitirá procedimentos urbanos em Jampa
Autorização para o empréstimo de R$ 100 mi foi dado pela Câmara Municipal de João Pessoa, e calçará 500 ruas Em votação realizada nessa terça-feira (9), a Câmara Municipal de João ...
READ MORE
Mamonas Assassinas
Forte comoção arrebata o país quando na noite de 2 de março de 1996 a mídia brasileira anuncia a morte dos músicos da banda Mamonas Assassinas Sérgio Botêlho - Após menos ...
READ MORE
Edição ‘Prima Convida’ de julho destaca os temas
Vai começar mais um Maior São João do
João Azevêdo inaugura Centro de Referência da Renda
João Pessoa assiste evento de repentistas e poetas
4º Festival de Música da Paraíba classifica sete
Plantio de árvores nativas da Mata Atlântica vira
João Pessoa vacina pessoas acima de 60 anos
Parque Sólon de Lucena: da Lagoa dos Irerês
Empréstimo de R$ 100 mi permitirá procedimentos urbanos
2 de março de 1996: morrem os originalíssimos

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.