6 de abril:  Dia Internacional do Esporte para Desenvolvimento e Paz 

O direito de acesso e participação em esporte é reconhecido em várias convenções sob o patrocínio da Organização das Nações Unidas (ONU)

O Dia Internacional do Esporte para o Desenvolvimento e pela Paz é comemorado no dia 6 de Abril. Esta data comemorativa foi estabelecida durante uma Assembleia Geral da ONU (Organização das Nações Unidas) em 2013.

Neste dia, o objetivo é comemorar o potencial do esporte para a educação e formação cívica dos cidadãos. Outra característica do esporte é a sua capacidade de quebrar barreiras linguísticas e culturais, incentivando uma convivência pacífica.

A Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável identificou o esporte como um facilitador do desenvolvimento sustentável.

Dois instrumentos da ONU, o Plano de Ação Kazan 2017 e o Plano de Ação Global sobre Atividade Física 2018-2030, pretendem ajudar nesta área.

A ONU lembra, no entanto, que nenhuma instituição ou entidade pode fazer isso sozinha. Amina Mohammed deu dois exemplos do trabalho que a ONU está fazendo com outras entidades.

Com o Comitê Olímpico Internacional e o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio, a ONU pretende aumentar a conscientização global sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, ODSs.

Foi desenvolvido o Plano de Sustentabilidade dos Jogos de Tóquio 2020 (que ficou para agora em 2021), que apresenta soluções inovadoras, esforços para abordar a mudança climática e respeitar os direitos humanos e práticas empresariais de trabalho justas.

Também está trabalhando com a Federação Internacional de Futebol, Fifa, para avançar as mulheres em posições de liderança e aproveitar ao máximo o esporte para o desenvolvimento da juventude e construção de capacidades.

Direito

O direito de acesso e participação em esportes é reconhecido em várias convenções internacionais.

Em 1978, a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura, Unesco, descreveu esta atividade como um “direito fundamental para todos”. Segundo a ONU, no entanto, “o direito de brincar e de praticar esportes tem sido frequentemente ignorado ou desrespeitado.”

Nos anos 2000, o esporte também fazia parte dos Objetivos do Desenvolvimento do Milénio. Na Agenda 2030, a Assembleia Geral reconheceu a atividade como “um importante facilitador do desenvolvimento sustentável”, destacando “sua promoção da tolerância e respeito e as contribuições para o empoderamento das mulheres e dos jovens, indivíduos e comunidades.”

Fontes:

ONU lembra que “o esporte tem o poder de mudar o mundo”

 

Dia Internacional do Esporte para o Desenvolvimento e pela Paz 

Related Posts
Dia da pizza comemora iguaria exportada da Itália para o mundo
A data, 10 de julho, como Dia da Pizza, no Brasil, tem origem em São Paulo, capital da pizza, no país, e é festejada desde os idos de 1985. Segundo conta ...
READ MORE
Explosão do sistema de saúde em Manaus pode se espalhar pelo país
CNC prevê redução na venda do varejo para 2021. Convocação extraordinária do Congresso é desejo de Maia. Economia circular: CNI prevê sucesso da ideia no Brasil. Jogo limpo.  🖋 Edição: _Sérgio ...
READ MORE
Lira retira PPPs de MP sobre licitação de 8 aeroportos
Tem 8 aeroportos, e mais: Bolsa e dólar; Recomeça Minas vai reconectar economicamente o estado 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 155 de 25.05.2021 Lira retira PPPs de MP sobre ...
READ MORE
Brasil perde espaço no âmbito do comércio latino-americano
Tem comércio latino-americano, e mais: Bolsa e dólar; Casa de Convivência Clara Nunes é inaugurada no Rio de Janeiro 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 166 de 05.06.2021 Brasil ...
READ MORE
Brasília - Parte das drogas e dinheiro apreendidos pela Polícia Civil do DF na operação “Delivery”, contra o tráfico de drogas durante o carnaval no Distrito Federal. (Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Mesada para Pezão, bens bloqueados de Picciani, desemprego e queixa de Temer sobre vazamentos são os destaques dos portais PORTAIS DE NOTÍCIAS: Manchete e destaques da hora de O Globo online: Pezão ...
READ MORE
Crédito: reprodução
Tem controvérsias ambientais, e mais: Bolsa e dólar; Concessão de aeroportos vão gerar R$ 36 bilhões até 2056 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 164 de 03.06.2021 Ministra suspende ...
READ MORE
Enoturismo se fortalece no Planalto Central do Brasil
Tem enoturismo, e mais: Bolsa e dólar; triciclo em construção vai auxiliar na reabilitação muscular pós-lesão medular 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 179 de 18.06.2021  Enoturismo se fortalece ...
READ MORE
Fachada Supremo Tribunal Federal
A sessão do Supremo ocorrida ontem mostrou bem claramente o clima de tensão que cerca a Corte, neste momento. A tensão mostrou-se no acirrado debate que se verificou entre os ...
READ MORE
“Em defesa da autonomia universitária e da democracia”, ex-líderes estudantis contestam nomeação de reitor da UFPB
“Indignados com os fatos ocorridos na UFPB”, dezenas de ex-lideranças estudantis divulgaram nota em que denunciam a nomeação do terceiro colocado para reitor da UFPB, “sem ter recebido nenhum voto ...
READ MORE
Indústria foca em educação e inovação como focos para o sucesso
Tem educação e inovação, e mais: Bolsa e dólar; canoagem brasileira tem duas cotas para as Olimpíadas 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *TRANSVERSAIS DO TURISMO*, Ano II, Nº 194 de 3.07.2021   Indústria foca em ...
READ MORE
Dia da pizza comemora iguaria exportada da Itália
Explosão do sistema de saúde em Manaus pode
Lira retira PPPs de MP sobre licitação de
Brasil perde espaço no âmbito do comércio latino-americano
Mesada para Pezão, bens bloqueados de Picciani, desemprego
Ministra suspende controvérsias ambientais em Onça Puma
Enoturismo se fortalece no Planalto Central do Brasil
Tensão no STF à véspera da decisão que
“Em defesa da autonomia universitária e da democracia”,
Indústria foca em educação e inovação como focos

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.