Dick Farney, um carioca nascido a 14 de novembro de 1921

Dick Farney, astro da Bossa Nova: nascido a 14 de novembro de 1921

Sérgio Botêlho

Entre os astros da Bossa Nova destacou-se Farnésio Dutra e Silva, nascido em 14 de novembro de 1921. Mas, de Farnésio, ninguém há de lembrar, é claro! Contudo, seu nome artístico logo evocará lembranças daquela época mágica da música brasileira. Trata-se de Dick Farney.

Amada e contestada, à época, a Bossa Nova ao longo da história da arte musical brasileira, contudo, se transformou num marco. Dessa forma, sem qualquer contestação possível, foi quando a MPB ganhou o mundo, inscrevendo composições nacionais entre hits internacionais.

Músico (pianista) e cantor, Dick, como terminou sendo mais conhecido, foi também compositor. Embora suas composições não tenham alcançado fama, foi com a voz e o piano que conquistou espaço na Bossa Nova.

Table of Contents

Cinema

Mas, Dick Farney também teve participação no cinema nacional, na época de ouro protagonizada pela Atlântida, pela Cinédia e pela Vera Cruz. As duas primeiras, responsáveis pelos filmes com o ator Dick Farney.

Assim, entre 1950 e 1953, Dick Farney participou de três filmes: Somos Dois, dirigido por Milton Rodrigues (diretor, ator e roteirista); Carnaval Atlântida, de José Carlos Burle (compositor, ator e cineasta, sendo um dos fundadores da Atlântida; e Perdidos de amor, de Eurides Ramos (diretor, roteirista e produtor, fundador da Cinelândia Filmes).

Na função de crooner da Orquestra de Carlos Machado, no Cassino da Urca, Dick Farney viveu as fases iniciais de sua prestigiada carreira. Nessa época, foi aos Estados Unidos onde gravou um jazz Tenderly, sua primeira aparição mundial. Nos Estados Unidos, na sequência, fez parte do cast do comediante Milton Berle, na NBC, segundo a Wikipedia.

Chegou a ter um programa na TV Record, em São Paulo: o TV Dick Farney Show. E, no Rio, em dupla com Betty Faria, Farney comandou o programa TV Dick e Betty, na TV Globo, do Rio de Janeiro, recém-inaugurada.

Bossa Nova

Sua estreia extraoficial na Bossa Nova foi em 1956, com a gravação, ao vivo, do show “Meia Noite em Copacabana. Em resumo, a simbiose entre samba e jazz inscreveu o show entre os marcos iniciais do novo estilo musical.

Mas, foi com a composição Você, fazendo dueto com Norma Bengell, que a participação do artista na Bossa Nova ganhou sua maior dimensão. Registre-se, ainda, a faixa Vou Por Aí, com a participação de Norma Bengell.

Dick Farney faleceu aos 65 anos, em 4 de agosto de 1987, vítima de um edema pulmonar.

Leia mais memórias de cada dia, aqui, no Para Onde Ir

Um comentário em “Dick Farney, um carioca nascido a 14 de novembro de 1921

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.