Destaques da Economia Para Onde Ir 21.01.2022

Destaques da Economia Para Onde Ir 21.01.2022: aumentos ao funcioalismo; coreção no teto; investimentos estrangeiros; Bolsa e dólar. 

“Correção no teto vai dar R$1,8 bi extra ao governo. IPCA de 2021 fica menor que projeção inflada que servirá de base para aumentar limite de despesas federais. Bolsonaro diz que pode dar reajuste só para policiais e fala em aumento para servidores em 2023. Debate sobre concessão do Santos Dumont preocupa Guarulhos. Concessionária teme perdas com possível proteção ao Galeão, seu concorrente em voos internacionais. Economia fraca e drible no teto vão ampliar déficit do governo em 2022, diz IFI. Lula diz que desigualdade tem de ser prioridade, não o teto de gastos. Governador do Rio diz que Guedes deu 15 dias para nova análise do plano de recuperação fiscal..*Na Folha*.

“Bolsonaro não garante reajuste para policiais federais, mas diz que aumento para outros servidores só em 2023. Investimento estrangeiro direto global sobe em 2021 e volta ao nível pré-pandemia, mais forte nos países ricos. Profissionais LGBTQIA+ ganham 10% menos que outros trabalhadores nos EUA. Teste rápido para Covid terá que ser coberto por planos de saúde, determina ANS. Pela 1ª vez, brasileiro paga menos por roupas da Zara que americano, mostra pesquisa. Golpe do 0800 avança e fraudadores roubam dados bancários e cartões de crédito das vítimas. Caixa registra alta de 21% no crédito imobiliário em 2021 *No O Globo*.

“Inflação de 2021 supera 47,7% dos acordos salariais do setor privado, no pior resultado desde 2018. Quase a metade dos reajustes obtidos por trabalhadores perdeu para o INPC no ano passado. Puxado por fintechs, investimento em startups triplica no País. ‘Os gestores de fundos vão ser mais cuidadosos em 2022’, diz CEO da Distrito. Cadastro Positivo vai para nova fase e reduz taxas de empréstimos. Programa vai incluir dados das contas de luz, de gás, água e esgoto até este ano. ‘Venda de caminhões vai chegar a 140 mil’, diz executivo da Mercedes. Vice-presidente de Vendas e Marketing espera melhor resultado após 2021 ‘complicado’” *No Estadão*.

“Bolsonaro suspende reajuste salarial prometido a carreiras policiais. Em entrevista para uma rádio, o presidente disse que conversou com servidores para adiar aumento para 2023. Mais três auxiliares de Paulo Guedes deixam Ministério da Economia. Justificativa do ministério para a saída do secretário de Gestão, Cristiano Heckert, é de que ele foi eleito diretor-presidente da Funpresp. *No Correio Braziliense*.

“Juro alto e cenário incerto afetam novatas na bolsa. Segundo levantamento, das 45 empresas que estrearam na B3 no ano passado, 33 acumulam desempenho inferior ao do Ibovespa desde a listagem. Leilão exigirá R$ 18, 2 bi de investimentos. Estudo elaborado pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE) prevê a construção de 6.600 quilômetros de linhas de transmissão e quatro novas subestações até 2030. Bolsonaro suspende aumento para policiais e diz que servidores terão ‘merecido reajuste’ em 2023. Dólar fecha no menor patamar em dois meses com exterior e fala de Lula. Investimento Estrangeiro Direto para o Brasil sobe mais de 100% e país é o 7º em captação, diz Unctad”.” *No Valor Econômico*.

“Ato da PGR permitiu pagamentos acima de R$ 400 mil a procuradores.” *No Zero Hora*.

“jljlewrwere.” *No A Tarde*.

“wqe qweqw”. No Diário de Pernambuco*.

Destaques da Economia na Grande Mídia CLIQUE AQUI

*Editoriais do dia*:

_*FOLHA*_

Na ponta do lápis. Ajuda a estados, se inevitável, deve se pautar por técnica; judicializar é risco.”

*ESTADÃO*_

“A única meta bolsonarista. Ao vetar as metas para a redução da pobreza, Bolsonaro revela que prioridade em relação aos pobres não é retirá-los da pobreza, mas amealhar seus votos”

“O festim dos partidos com dinheiro público. Os partidos políticos se esbaldam com os recursos do Fundo Partidário porque o TSE é lento para julgar as contas e aplicar a lei em caso de irregularidade.” 

“A voraz elite do serviço público. Espanta a insensibilidade com que os privilegiados defendem suas vantagens e, pior, continuam a pedir mais.”

*VALOR ECONÔMICO*_

Agressão à Amazônia segue em ritmo preocupante. Os atos negacionistas de Bolsonaro não são apenas ideologia: trazem bons lucros diretos.” 

Bolsa de Valores

O Íncide da Bolsa de Valores de São Paulo (Ibovespa) fechou a quarta-feira, 19, em alta de 1,28%, a 108.013 pontos. O dólar terminou o dia em baixa de -1,71%, a R$ 5,46.

Destaques:

Leia: Destaques da Grande Mídia Impressa.

Notícias sobre Turismo

Sinopse de Economia Para Onde Ir Sérgio Botêlho

You may also like

Comente