Carta Capital critica excessos de Moro e Isto É expõe investigações contra Temer

Carta Capital critica excessos de Moro e Isto É expõe investigações contra Temer

Edição: Sérgio Botêlho

As revistas Carta Capital e Isto É, em circulação, trazem, respectivamente, Moro e Temer em suas capas, ambas, em matérias de cunho crítico.

A Carta critica o juiz paranaense por excessos (Maior que ele, só Deus) e a Isto É expõe as investigações em curso sobre o atual presidente (O inferno astral de Temer).

 

*Carta Capital*. *“Maior que ele, só Deus. Com uma decisão a respeito de Lula e outra sobre uma extradição de Portugal, Sergio Moro revela que a Justiça tem uma última instância acima do Supremo”*. Essa é a matéria de capa da revista.

*Outras chamadas de capa*:

“Não culpem as vítimas. A tragédia no Largo do Paissandu, em São Paulo, é fruto do histórico descaso do poder público com as famílias sem teto”.

“_Juros. O BC falha na redução das taxas, a Febraban desconversa e Skaf arma mais um lance de marketing_”.

*Destaques internos*:

“Estudo detalha origem oligárquica de Moro, Dallagnol e Santos Lima. Segundo pesquisa da UFPR, ‘nepotismo e familismo explicam atraso, falta de justiça e desigualdades’ no Paraná”;

“_Homens e mulheres no campo: dignidade em harmonia com a natureza. A transformação de que o campo necessita para dar vida digna a trabalhadores ou pequenos proprietários é essencialmente capitalista_”;

“De bunker de espiões a refúgio de sem-teto. Cooperativa de ativistas em Berlim salva da especulação imobiliária a ex-sede da Stasi, a polícia secreta alemã-oriental”;

“_A gente não se vê na Globo. A emissora da família Marinho chancela o golpe iniciado com a deposição de Dilma Rousseff_”;

“Conceição Evaristo: “A invisibilização paira sobre o sujeito negro”. Uma das convidadas da Flip, a autora atribui suas publicações tardias ao racismo institucional que se reflete na literatura”;

 

*Isto É*. *“O inferno astral de Temer. Com familiares investigados por lavagem de dinheiro e cada vez mais dedicado a salvar a própria pele, o presidente perde sustentação política e assiste impassível à paralisia do governo”*. Essa é a matéria de capa da revista.

*Outras chamadas de capa*:

“Ocupações criminosas. As máfias que exploram os sem-teto e o risco de novas tragédias em prédios invadidos”.

“_A volta dos Collor. Ex-presidente quer perpetuar clã político e reavivar um pesadelo que parecia ter ficado para trás_”.

*Destaques internos*:

“Editorial. O calvário de um presidente. Michel Temer vive dias de provação. Pela primeira vez, a família de um presidente em pleno exercício do cargo é arrolada a depor, prestar explicações, por supostos casos de corrupção. Uma investigação da Polícia Federal dá conta de lavagem de recursos via reformas nas casas tanto da filha como da sogra em troca de um decreto de portos – que acabou por não existir, diga-se de passagem”;

“_Entrevista. Paulo Coelho, escritor. “Não vejo candidato que coloque o Brasil nos eixos_”;

“Voando com dinheiro público. Em vez de se dedicarem a votar projetos de interesse do País, 184 deputados viajam mundo afora para visitar cassinos e assistir a shows”;

“_Descaso, desespero e oportunismo. Tragédia em prédio no centro de São Paulo expõe a situação precária de milhares de pessoas sem moradia, atesta fracasso do poder público na proteção dos cidadãos e revela o submundo das máfias que fazem das ocupações um negócio lucrativo_”;

“Foro menos privilegiado. Ao afetar deputados e senadores, restrição da prerrogativa pelo STF representa o primeiro passo para o fim do privilégio. Mas a jornada ainda será longa para a eliminação total da benesse às autoridades”;

“_A volta dos Collor. Na tentativa de manter o clã dos Collor de Mello no poder, o ex-presidente se apresenta como candidato ao Planalto numa iniciativa tão estapafúrdia quanto infrutífera e lança um filho fora do casamento como seu sucessor_”. 

Related Posts
Boeing quer incluir setor militar da Embraer em negócio entre as duas empresas
Sérgio Botêlho Jornais da grande mídia abrem suas manchetes nesta terça-feira, 02, com 3 dos temas que estarão entre os mais destacados durante o ano: a violência, a política e a ...
READ MORE
Vida difícil para o PSDB
Primeiro foi o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, quem resolveu anunciar o fim de um casamento com os tucanos que foi firmado em 1994, e que, segundo o ...
READ MORE
Por que Ronaldinho Gaúcho está preso no Paraguai?
Ronaldinho Gaúcho está preso no Paraguai. O ex-jogador de futebol, Ronaldo de Assis Moreira (Ronaldinho Gaúcho) e seu irmão Roberto de Assis Moreira estão presos no Paraguai, desde essa quarta-feira, ...
READ MORE
Combate à violência: estamos agindo certo?
Sérgio Botêlho A violência abre o ano de 2018 no Brasil mostrando a cara de quem vai fazer muito mal durante os próximos 364 dias. Rio e Goiás abriram a temporada ...
READ MORE
Prisão em segunda instância deve ser discutida pelo STF, hoje
A história é a seguinte. O ministro Marco Aurélio, um dos mais antigos do Supremo Tribunal Federal, pretende levantar questão de ordem na sessão de hoje, para que seja colocado ...
READ MORE
Mato Grosso do Sul: processos de segunda instância do estado podem ser vinculados ao TRF-4
Sinopse MS Edição: Sérgio Botêlho Manchete e submanchetes do portal do Correio do Estado. JUSTIÇA FEDERAL. Criação de Tribunal Regional Federal que terá jurisdição sobre MS será decidida pelo STF. Processos da 2ª ...
READ MORE
Violência pode virar marca, para a história, das eleições 2018
Sérgio Botêlho Enquanto o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, registrou queixa pública, nessa terça-feira, 27, contra ameaças que sua família estaria sofrendo, a caravana do ex-presidente Lula em peregrinação ...
READ MORE
Decisão do STF, Lula e eleições 2018
Sérgio Botêlho Do resultado de ontem do pleno do Supremo Tribunal Federal, acho que a maioria dos que estão começando a ler este post já sabe, ou seja, por seis votos ...
READ MORE
Projeções sobre a política brasileira e internacional apontam disputa feroz entre esquerda e direita
Sergio Botelho Neste 1º de janeiro de 2017, jornais chegam às bancas cheios de prospecções sobre as aspirações populares, a violência, a política e a economia, no país e no mundo, ...
READ MORE
Congresso Nacional
Sérgio Botêlho A semana terminou na Câmara dos Deputados sem que fossem compostas as comissões permanentes da Casa. É nas comissões permanentes onde começam os debates e as votações sobre as ...
READ MORE
Destaque: Boeing quer inclusão de área militar da
Vida difícil para o PSDB
Por que Ronaldinho Gaúcho está preso no Paraguai?
Combate à violência: estamos agindo certo?
Prisão em segunda instância deve ser discutida pelo
Mato Grosso do Sul: processos de segunda instância
Violência pode virar marca, para a história, das
Decisão do STF, Lula e eleições 2018
Projeções sobre a política brasileira e internacional apontam
Clima envenenado em Brasília

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.