João Pessoa tem intensa programação dedicada ao Abril Verde

No mês de abril, órgãos públicos e instituições engajadas nas questões relativas aos acidentes de trabalho aderem à campanha Abril Verde

Os dados da Organização Internacional do Trabalho (OIT) colocam o Brasil como 4º colocado no ranking mundial de acidentes fatais de trabalho. Por isso, o mês de abril é voltado às ações de promoção da saúde e prevenção dos acidentes e doenças relacionadas ao trabalho, é o Abril Verde. 

Diante disso, a Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Centro Regional de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) realizará uma série de atividades e palestras durante todo o mês. A abertura das atividades acontece na próxima quarta-feira (07), de forma online, por meio da plataforma Google Meet.

A abertura acontece a partir das 8h30 e contará com a participação do Secretário de Saúde de João Pessoa, Fábio Rocha, da Diretora de Vigilância em Saúde da Capital, Aline Grisi, a Enfermeira e Gerente da Rede de Atenção Especializada, Anne Helga, o Diretor do CEREST João Pessoa, Kleber José da Silva e o Presidente CUT – PB, Tião Santos. Os interessados podem participar via Google Meet, inserindo o código: puy-mxxs-cxf .

“A saúde do trabalhador, seja física ou mental, é fundamental para o desenvolvimento de suas atividades laborais e precisamos trazer sempre ao debate formas de ofertar melhores condições de trabalho e de como cuidar desses profissionais e, através do Abril Verde, conseguimos reforçar esse debate que é tão importante”, explica o  Diretor do CEREST João Pessoa, Kleber José.

As atividades serão voltadas aos profissionais de saúde que atuam na Rede de Atenção à Saúde de João Pessoa, de setores como Vigilância em Saúde, Atenção Primária, Rede de Atenção Especializada, Rede Hospitalar, Rede de Urgência e Emergência, além de técnicos de Segurança do Trabalho, sindicatos, centrais sindicais, Instituições de Ensino e Pesquisa, e outras instituições interessadas na temática. Também participam da programação representantes de instituições como a Escola Nacional de Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz – Rio de Janeiro, Ministério Público da Paraíba, Universidade Federal da Paraíba, Grupo de Trabalho em Saúde do Trabalhador do Núcleo de Estudos de Saúde em Saúde Coletiva (NESC/UFPB), CEREST Paraíba / Secretaria de Estado da Saúde da Paraíba e representações sindicais.

Durante todo o mês serão abordados temas como a relação Covid -19 com os processos, organização e o ambiente de trabalho; fragilidades e desafios da vigilância em saúde do trabalhador em tempos de Covid-19; reflexões sobre a rede de atenção em saúde do trabalhador em João Pessoa; anamnese clínico ocupacional: passos para realização de nexo causal; transtornos mentais relacionados ao trabalho.

Serviço 

O Centro Regional de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest) atua na promoção e proteção da saúde dos trabalhadores, visando a recuperação e a reabilitação dos trabalhadores submetidos aos riscos e agravos advindos das condições de trabalho. Regulamentado pela Portaria SAS nº 614, de 17 de agosto de 2006, abrange a macrorregional I do Estado da Paraíba e presta assistência a pacientes oriundos de 64 municípios, que integram a macrorregião.

De acordo com Kleber José, no local, são realizadas duas consultas. Primeiro, o trabalhador é atendido por profissionais como fisioterapeuta, assistente social e enfermeiro, que realizam a escuta qualificada sobre a história de trabalho (anamnese ocupacional) e a história da doença (anamnese clínica). O segundo atendimento é realizado pelo médico, que vai avaliar se o trabalho foi determinante ou contributivo para o adoecimento. Ao ser confirmado o nexo causal entre a doença e o trabalho, o serviço emitirá a Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), parecer e laudo médico para fins de direitos do trabalhador, no âmbito da Previdência Social ou na Justiça do Trabalho.

Balanço – Em João Pessoa, segundo dados do Núcleo de Vigilância e Informação em Saúde do Trabalhador, do CEREST, dos 358 atendimentos ocorridos em 2020, 62,2% dos casos foram em decorrência de Lesões por Esforços Repetitivos / Distúrbios Osteomusculares Relacionadas ao Trabalho (LER/DORT). Em seguida, as outras principais causas de afastamento são devido aos Transtornos Mentais e Comportamentais Relacionados ao Trabalho e as Doenças Infecciosas e Parasitárias que referem-se aos casos de COVID-19. Neste ano, nos três primeiros meses, foram atendidos pelo serviço 76 trabalhadores.

Acesso

Quem necessitar dos serviços do CEREST pode marcar uma consulta através do telefone (83) 3218-7114 ou ir diretamente à sede, que fica localizada na Rua Alberto De Brito, S/N, no bairro de Jaguaribe, dentro da Policlínica Municipal de Jaguaribe. No dia da consulta, o usuário precisa levar documentos pessoais como RG, CPF, Cartão SUS, além de atestados, laudos e pareceres médicos precedentes.

Abril Verde

Iniciado em 2014, o movimento tem o objetivo maior de reduzir os acidentes de trabalho e os agravos à saúde do trabalhador, além de mobilizar a sociedade para prevenção das doenças que ocorrem em decorrência do trabalho.

Com a Lei Ordinária nº 14.110, de 22 de janeiro de 2021, sancionada pelo Prefeito Cícero Lucena, o Abril Verde tornou-se “Patrimônio Cultural Imaterial” do município de João Pessoa e passa a integrar oficialmente o calendário de saúde da cidade.

Da redação do Para Onde Ir com informações da Secom-JP 

Related Posts
Em João Pessoa, supermercado descumpre horário e é punido
Interditado por 7 dias supermercado, descumpre horário estabelecido pelos órgãos de fiscalização do município de João Pessoa Desde a implantação de medidas mais rígidas para conter a disseminação do coronavírus, anunciadas ...
READ MORE
Crédito da foto: Canva
Nesta quinta, 1, vacinaram-se pessoas a partir de 63 anos; nesta sexta, 2, as pessoas a partir de 62; sábado, 3, a partir de 60 anos A Secretaria de Saúde de ...
READ MORE
Crédito da foto: Canva
Além das pessoas com 45 anos e mais, será retomada a imunização para grávidas e puérperas (vacina Pfizer ou Coronavac) A partir desta segunda-feira (21), Cabedelo inicia a vacinação de pessoas ...
READ MORE
Pela 5ª semana consecutiva sobe número de óbitos por Covid-19 na PB
Levantamento universitário projeta que até o dia 13 próximo a Paraíba chega aos 236.581 casos, com 4.281 óbitos por Covid-19 Pela quinta semana consecutiva, o número de óbitos decorrentes da pandemia ...
READ MORE
Mato Grosso entra em colapso; governadores se unem contra a Covid
Mato Grosso pede socorro a outros estados, que também informam esgotamento; governadores anunciarão medidas conjuntas contra a Covid Matéria publicada pelo jornal Folha de São Paulo informa que o secretário de ...
READ MORE
Crédito da foto: Canva
Além da vacinação para idosos, serão beneficiadas, na capital paraibana, pessoas com comorbidades, Espectro Autista e síndrome de Down Dentro da campanha de imunização contra a Covid-19, a Prefeitura de João ...
READ MORE
180 economistas pedem lockdown nacional por conta da pandemia 
Além de lockdown nacional, leia: Olimpíadas sem torcedor do exterior; Bananeira: uma planta de total aproveitamento 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 92 de 22.03.2021 180 economistas pedem lockdown ...
READ MORE
Cirurgias eletivas estão suspensas no Distrito Federal
Suspensão das cirurgias eletivas exclui os procedimentos cardiovasculares, oncológicos, transplantes e judicializados, segundo o GDF A Secretaria de Saúde decidiu suspender temporariamente, até o dia 15 de março, todas as cirurgias ...
READ MORE
Com tantas máscaras, qual seria a mais indicada contra a Covid-19
Tem tantas máscaras, e mais: Bolsa e dólar; aplicativo contém 567 espécies de anfíbios da Mata Atlântica 🖋 Edição: _Sérgio Botêlho_ *ECONOMIA DO TURISMO*, Ano II, Nº 172 de 11.06.2021   Com tantas máscaras, ...
READ MORE
Guerra à covid na PB: mais de 300 profissionais da Saúde são chamados
Governo do estado fez a convocação aos profissionais da Saúde para a guerra à covid na PB pelo Diário Oficial Hospital de Clínicas de Campina Grande vai poder contar nos próximos ...
READ MORE
Em João Pessoa, supermercado descumpre horário e é
Cabedelo vacina a partir de 60 anos no
Cabedelo vacina pessoas com 45 anos e mais,
Pela 5ª semana consecutiva sobe número de óbitos
Mato Grosso entra em colapso; governadores se unem
João Pessoa retoma vacinação para idosos 60+ e
180 economistas pedem lockdown nacional por conta da
Cirurgias eletivas estão suspensas no Distrito Federal
Com tantas máscaras, qual seria a mais indicada
Guerra à covid na PB: mais de 300

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.